How to: veja a estratégia e dicas para a luta do Ragnaros


Ragnaros, o Firelord, é o último boss de Firelands e volta a atormentar a vida de quem raidava no Classic, em Molten Core. Desta vez, a luta ganha algumas novas skills e é bom estar preparado para movimentação. A regra número 1 desse boss é “get out of the fire”.

Fase 1

Dois tanks vão trocando o agro do Ragnaros. O tank da vez vai ganhando um stack de um dot. O ideal é acumular 3, no máximo 4 stacks.

A cada 30 segundos, o Ragnaros vai castar o Sulfuras Smash. Ele vai targetar um player aleatório e acertar a área onde esse player está 2 segundos após o começo do cast. O local onde esse player estava vai criar uma Magma Trap e, no fim do cast do Sulfuras Smash, criar três ondas de lava que vão se mover em direções distintas (uma onda vai na direção em que o boss estava virado e as outras duas perpendicularmente). A melhor forma de evitar o dano é se posicionar na diagonal do boss, no mínimo range possível. A lava, além do dano (73.542 fire damage), dá um knokback e um dot (21.012 fire damage a cada 1 segundo por 5 segundos)

Ragnaros também vai, de forma random, dar um knock back em toda a raid com o Hand of Ragnaros (31.518 fire damage). Por isso, é importante ficar longe da borda da plataforma para evitar cair na lava (essa mecânica é bem similar ao da luta do Al Alkir).  Também é preciso cuidar para não levar o knock back na hora do Sulfuras Smash para evitar que seja empurrado para a área de lava.

A dica mais importante aqui é que as Magma Traps não somem, a não ser que um player ative (por querer ou acidentalmente), gerando o Magma Trap Eruption (63.036 fire damage em todos os players). E elas vão se acumulando durante a luta. Então, uma tática que pode ser usada é fazer com que mages com slow fall, priests com levitate, ou warlocks com portal pisem na área. Só que é preciso realmente coordenar esta tarefa para evitar que ela combe com as demais skills do boss.

Outra skill do boss dessa fase é o Wrath of Ragnaros. O boss escolhe um jogador aleatório, e causa 63.036 de fire damage em todos que estiverem a menos de 6 jardas, além de umknock back.

Transição 1

Em 70% de vida, o Ragnaros vai virar em uma direção random e jogar a Sulfuras antes de submergir (Splitting Blow). Vão spawnar 8 fire elemental em volta da plataforma. Se algum deles tocar a Sulfuras, ele vai castar Supernova (94.554 fire damage em toda a raid) que vai wipar o grupo se todos não estiverem topados. Os adds vão ganhando slow a partir dos 50% do HP. Pela mecânica, o ideal é que os melees comecem a descer o HP dos adds e os casters finalizem na medida em que eles chegam perto da Sulfuras. Os adds não levam roots ou snared effects, mas aceitam Death Grip, Thunderstotm e Typhoon. A fase de transição dura 45 segundos.

Fase 2

O Ragnaros vai, periodicamente, usar o World in Flames, engolindo um terço da plataforma (73,542 fire damage em quem estiver na área).

A cada 60 segundos, vão spawnar lava seeds em todos os players (57.783 fire damage). Todos devem se espalhar para evitar o dano, mas é importante que todos fiquem do mesmo lado da plataforma. Quando todos os seeds spawnarem, a raid se movimenta para o outro lado da sala, pois eles vão detonar. É uma skill que se chama Molten Inferno (105.059 fire damage). O dano deles é baseado em proximidade. Depois da explosão, vão spawnar adds, os Molten Elementals, que vão targetar os jogadores. A raid precisa stackar para matar todos os adds no AOE. Depois de mortos, todo mundo espalha novamente para a próxima onda de seeds. É indicado que a posição para stackar seja sempre no tank, pois desta forma evita-se que a Sulfuras Smash e as consequentes ondas de lava aconteçam numa posição complicada

Boa parte da fase 2 da luta é movimentação. Todos precisam estar bem coordenados para estar no lugar certo na hora. Isso porque, ao mesmo tempo em que é necessário estar a pelo menos 6 yards de distância um do outro para evitar o dano de skills como Sulfuras Smash ou Engulfing Flames, é necessário stackar para o AOE nos adds. Apesar de ser uma etapa considerada complicada da luta, a fase 2 acontece de forma bastante mecânica, com uma sequência sempre igual de skills que são de fácil memorização. Ou seja: esta fase é sempre igual em todas as trys.

Fase de transição 2

Com o boss em 40% do HP, começa a segunda fase de transição. Além dos elementais em direção à Sulfuras, dois adds, os Lava Scions. vão spawnar em lados opostos da sala e precisam ser tankados. Todos devem matar os elementais o mais rápido possível, com exceção do que estiver mais longe. Esse ultimo elemental deve concentrar todos as skills possíveis para retardá-lo (aceitam Death Grip, Thunderstotm e Typhoon) para que os DPS matem pelo menos 1 dos Lava Scions e liberem um dos tanks para o Ragnaros.

Os Lava Scion também tem uma skill que se chama Blazing Heat. O player que estiver com esse debuff vai criar uma trilha de fogo por onde andar, além de levar dano (52.530 fire damage a cada segundo) e de curar os todos os adds por 10% a cada segundo.

Fase 3

Tanto o Sulfuras Smash quanto o Engulfing Flames continuam nessa fase. Além disso, Living Meteors  vão começar a spawnar e perseguir jogadores aleatórios. Se acertarem, é instant kill do jogador e em todos que estiverem a 8 yards (525.300 fire damage). Esses meteoros são similares ao hellfire. Porém, depois que ele scaem no chão é possível dar knockback neles a cada 5 segundos com dano direto neles, mas vale lembrar que esse recurso deve ser usado apenas se há grande risco do meteoro acertar um jogador, pois o dano no boss deve ser intenso e o jogador que acertar o meteoro ainda leva um knock back. A luta segue desta forma até 10% de HP do boss. A vida do boss vai a 0% apenas no modo heroic, que tem ainda uma 4ª fase.

Veja o vídeo da luta:

Anúncios

Sobre TheRogue
Stealth mode ON

3 Responses to How to: veja a estratégia e dicas para a luta do Ragnaros

  1. Tchereulfis says:

    Parabéns!
    A luta está muito bem explicada e com linguagem de fácil entendimento!
    Estou passando a estudar as lutas nesse site!
    abraço.

  2. TheRogue says:

    opa! Legal Tchereulfis!
    A idéia é bem essa mesmo! Queremos explicar tudo direitinho, e não apenas traduzir os guias gringos! Valeu pelo comment e sinta-se em casa aqui no Terça sem Wow!!!

  3. Kadosh says:

    Estou usando ele na minha guild também, muito bom. Parabéns.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: